Notícias

Indonésia afunda de uma vez 81 barcos de pesca predatória

People take pictures of a burning ship as the government destroyed foreign boats that had been caught illegally fishing in Indonesia waters, at Morela village in Ambon island, April 2017. Indonesia destroyed 81 mostly foreign boats on the weekend that had been caught illegally fishing in its waters, taking to more than 300 the number sunk since President Joko Widodo launched a battle against the poaching of fish in 2014.
Antara Foto/Izaac Mulyawan

A Indonésia segue com o sistema tolerância zero contra a pesca predatória praticada em suas águas por embarcações estrangeiras. Apenas no último sábado, 1º, 81 embarcações de países como Malásia, Filipinas, Tailândia e Vietnã foram destruídas pela Marinha local.

Desde que Joko Widodo assumiu a presidência em 2014, a prática de afundar barcos estrangeiros tem sido muito comum. Especula-se que mais de 300 já tenham sido destruídos. Os chineses também fazer parte da lista de “inimigos” de Widodo e algumas vezes houve tensão na região.

Segundo o ministro dos Assuntos Marítimos e da Pesca, Susi Pudjiastuti, a Indonésia estava defendendo a sua soberania e combatendo a pesca ilegal. “Esperamos que Sino (o nome de um dos navios da Indonésia) seja o símbolo da nossa vitória contra a caça após anos de derrota, especialmente no leste da Indonésia”, diz.

O país asiático está numa região muito piscosa do Oceano Índico. A decisão de não permitir a pesca predatória tem como objetivo proteger os pescadores artesanais, os quais dependem do pescado para tirar o próprio sustento.

Previous post

Lista Peixes pesca proibida Portaria nº 445/2014

Next post

Ibama apreende 109 peixes ameaçados de extinção em peixarias

carlos

carlos

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 − oito =